A surpreendente verdade sobre subsídio do programa minha casa minha vida que nunca contaram para você

Tempo de leitura: 6 minutos

 

Mas o que seria isso? Esse tal de subsídio? Todo mundo pode conseguir? Vamos trazer algumas verdades sobre o subsídio, para que você consiga entender melhor e, caso tenha direito, consiga usar em seu favor.

Olá, muita gente quando ouve falar em Minha Casa Minha Vida já pensa em subsídio, não é mesmo?

Mas o que seria isso? Esse tal de subsídio? Todo mundo pode conseguir? Vamos trazer algumas verdades sobre o subsídio, para que você consiga entender melhor e, caso tenha direito, consiga usar em seu favor.

Maraísa e Roberto não aguentavam mais pagar aluguel e resolveram comprar a casa própria, mas quando procuraram a caixa para fazer o financiamento, descobriram que precisariam de um valor que não tinham para dar de entrada. Ficaram decepcionados porque acharam que não conseguiriam mais se cadastrar no programa.

Mas, ao conversar com nossos consultores, descobriram que poderiam receber um subsídio do Governo, e que esse subsídio depende não somente da faixa de renda deles, mas também, do imóvel que escolheram. Então resolveram dar entrada novamente e conseguiram aprovação no financiamento.

Lembramos que o programa minha casa minha vida, foi criado para as pessoas que não aguentam mais pagar aluguel, ou viver de forma precária, conseguirem comprar o primeiro imóvel. Para isso, além de taxas de juros muito mais baixas, o governo ainda oferece uma ajuda que vai depender de vários fatores. Vamos explicar um pouco melhor neste artigo.

Como o governo sabe que muita gente não consegue juntar dinheiro que os bancos exigem para conceder o financiamento do programa minha casa minha vida, para impulsionar o programa e ajudar efetivamente as pessoas a comprarem o primeiro imóvel, dentro do próprio programa minha casa minha vida existe a previsão de um subsídio que ficará à critério do ministério das cidades para decidir sobre o valor oferecido para cada caso.

 

O que é subsídio?

 

Por definição subsídio é uma ajuda em dinheiro, concedida por uma entidade (instituição ou pessoa) para outra pessoa ou entidade coletiva, no sentido de fomentar o desenvolvimento de uma determinada atividade, que no caso é a compra do primeiro imóvel.

 

Subsídios governamentais são fornecidos para empresas com  o intuito de reduzir o preço final dos produtos vendidos, para que estes produtos possam competir com os produzidos por outras empresas internacionais.

Subsídios também podem ser dados com outros objetivos. Por exemplo, subsídios governamentais podem ser dados às pessoas de baixa renda para o auxílio à aquisição de um comércio próprio.

Os subsídios governamentais às empresas são comuns em países desenvolvidos, cujos produtos são sensivelmente mais caros do que similares fabricados em países em desenvolvimento, assim reduzindo o preço final dos produtos vendidos por tais empresas.

 

Subsídio dentro do programa minha casa minha vida. A verdade sobre como funciona.

Para o programa minha casa minha vida, o subsídio é avaliado de acordo com a faixa de renda e, obedece determinados crítérios para sua concessão e para a atribuição do valor. O que isso quer dizer?

Quer dizer que para cada faixa de renda, existe um valor “Máximo” atribuído para o subsídio. No entanto, esse valor depende de outros fatores, não somente da faixa de renda da pessoa.

Entre esses fatores estão:

  1. A construtora ou incorporadora parceira que construirá o imóvel
  2. A prefeitura da cidade onde está o imóvel
  3. Localização – a necessidade habitacional da cidade onde está o imóvel
  4. Dependentes – O número de dependentes da família que está adquirindo a casa própria.
  5. Entre outros que são avaliados pelo Ministério das Cidades.

Para saber mais informações diretamente no Ministério das Cidades clique aqui

 

Mas de acordo com a minha faixa de renda, como sei o valor do meu subsídio?

Para famílias da faixa 1, que compreende as famílias com renda mensal de até R$ 1.800,00 por mês, o governo paga até 90% do valor do imóvel e a parcela mensal máxima será de R$ 270,00

A inscrição para a faixa 1 é realizada na prefeitura da cidade e, após o cadastro é realizado um sorteio.

 

 

Para famílias da faixa 1,5, com renda mensal entre R$ 1.801,00 até R$ 2.600,00 por mês, o governo paga uma ajuda de até R$ 47.500,00 do valor do imóvel. Contudo, não é somente considerada a renda, como já explicado, o governo considera outros fatores para calcular o subsídio.

Para famílias da faixa 2, com renda mensal entre R$ 2.601,00 até R$ 4.000,00 por mês, o governo paga uma ajuda de até R$ 29.000,00 do valor do imóvel. Contudo, não é somente considerada a renda, como já explicado, o governo considera outros fatores para calcular o subsídio, entre eles localização do imóvel, número de dependentes, tipo do imóvel, qual a construtora parceira, qual a prefeitura e o número de habitante desta cidade, qual o déficit habitacional entre outros.

Para famílias da Faixa 3, com renda mensal ACIMA até R$ 4.001,00 por mês NÃO TEM SUBSÍDIO. OS BENEFÍCIOS DO PROGRAMA SÃO OUTROS (MENORES TAXAS DE JUROS DESCONTOS EM IMPOSTOS E EMOLUMENTOS DE CARTÓRIO, ETC.)

Como faço para me cadastrar e para ter acesso ao subsídio?

 

Para quem está na faixa 1 – ou seja, que tem renda familiar de no máximo R$ 1.800,00, deve procurar a prefeitura da cidade onde mora e fazer o cadastro para participar do sorteio. A prefeitura aguarda as construtoras parceiras que aderirem à faixa 1, a construírem os apartamentos e as casas e, quando finalizam, fazem o sorteito.

Para quem está nas faixas, 1,5 e 2, o cadastro é realizado da forma normal, não depende de sorteio, mas precisa cumprir com as exigências do programa para ser aprovado.

Caso o financiamento seja aprovado, o valor do subsídio é informado e então inicia-se a busca pelo imóvel. Após encontrar o imóvel, inicia-se o procedimento de financiamento.

Para quem se encontra na faixa 3, ou seja, para quem ganha acima de R$ 4.001,00 não há subsídio. Para fazer o cadastro clique abaixo.

 

Leia também

– O desconto nas taxas do primeiro imóvel

– 4 Faixas de renda do minha casa minha vida

– ITBI entenda o que é, quando pagar, como pagar, etc

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *